segunda-feira, 5 de julho de 2010

"Sobre mim"

Durante muito tempo esse foi o meu "Sobre mim" do meu perfil do Orkut. Agora acho que ele não cabe mais lá. Não me sinto mais como o Charlie Brown, e muito disso deve-se a eu ter encontrado a minha garotinha ruiva. Torço para que cada um encontre a sua e tenha uma vida boa, longa e saudável.

"Algumas pessoas dizem que tenho gosto refinado. Talvez seja verdade, mas eu gosto e Rogério Skylab e U.D.R. Eu gosto de macarrão, de sentar na praça e olhar o tempo passar ouvindo passarinhos que nunca verei. Gosto de sentar pra conversar sobre nada e sobre tudo. Gosto de ouvir. Gosto de sentir. E às vezes me sinto como Charlie Brown. Ultimamente me sinto mais como ele do que como eu mesmo. Eu gosto do jazz dos desenhos dele. E gosto do Snoop e do Woodstock. E todo ano eu espero ganhar cartão de dia dos namorado da garotinha ruiva, acertar a bola no futebol e ganhar no acampamento de verão. Pelo menos, tem o jazz. Eu gosto de pensar. Mas isso dói. E dói muito. Mas aprendi que há momentos pra não pensar, mas para sentir. Então eu recusei qualquer tipo de entorpecente. Não bebo, não fumo, não cheiro, não injeto. Eu sinto. Eu sinto o que há de bom para sentir. E o que há de ruim. Em dias para rir, eu rio. Em dias para chorar, eu choro. E ultimamente tenho tido mais dos últimos do que dos primeiros. Mas tento, me esforço, para sempre, mesmo que por motivos fúteis, dar um sorriso ao dia. Eu gosto de abraços. De dar abraços, de receber abraços. E poesia. Eu adoro poesia. Ela diz o que eu não sei expor de forma lógica. Eu ainda espero a cartão da garotinha ruiva. Nos dias de chuva, espero o carteiro. Ele não vem. Nos dias de sol, vou passear. O cartão não chega. Então eu saio e vejo o mundo. E encontro pessoas. E sinto. Sabe, essa Pat Pimentinha me faz bem. Eu gosto dela. Pena que ela não gosta de mim como eu gosto da garotinha ruiva..."